24 de setembro de 2017

Suplementos Pré-Treinos

40 comentários: | |
Olá, tudo bom? Espero que sim. Nova postagem sobre alguns suplementos incríveis, venha conhecer mais um pouco sobre eles.

ASSAULT



O ASSAULT da Muscle Pharm foi eleito com índice de 98% de aprovação pelos consumidores mais exigentes do mundo, como o melhor Óxido Nítrico – Pré-treino de 2010 e 2011
• Permite aos usuários treinar mais duro e por mais tempo.
• Permite uma recuperação mais rápida.
• Aumentar o meio anabólico e a resposta ao treino.
• Aumenta a entrega de nutrientes para do que os músculos trabalhem melhor.
• Aumenta a saturação de oxigênio.
• Aumenta o fluxo sanguíneo, melhorando a oferta de nutrientes.
• Aumenta a produção de energia.
• Melhora a concentração mental.


PREÇO DE VENDA: R$ 200,00 
PREÇO CONCORRÊNCIA: R$ 214,90 CP - R$ 214,90 NS

CREATINA



Função: É um suplemento alimentar, composto a partir de 3 aminoácidos – Glicina, Arginina e Metionina. Como principais funções têm-se: aumento de volume e força muscular, adia a sensação de fadiga, oferece mais explosão muscular, o que é interessante em esportes de curta duração.
A creatina é um dos suplementos mais utilizados ao redor do mundo.
A Creatina é um aminoácido que ocorre naturalmente em humanos e também é consumida na dieta. Atua no estoque de energia que os músculos e os outros tecidos necessitam. Quando consumida adequadamente como creatina exógena, faz com que os estoques musculares de creatina se tornem mais elevados, assim como os seus derivados: fosforilado e a fosfocreatina. Oferece o aumento desses estoques, oferecendo benefício terapêutico, prevenindo depleção de ATP, estimulando a síntese de proteína ou reduzindo sua degradação.
BENEFÍCIOS
• Produto destinado a complementação os estoques endógenos de creatina
• Melhora os níveis de energia
• Auxilia na hipertrofia muscular
• Complementa os estoques endógenos de creatina

PREÇO DE VENDA: R$ 75,00
PREÇO DA CONCORRÊNCIA: R$ 89,00

WHEY PROTEIN
A Proteína do Soro do Leite (Whey Protein) é um nutriente essencial que seu corpo precisa diariamente. Whey protein é uma fonte de proteína de alta qualidade e é facilmente digerida. É também uma fonte rica de aminoácidos de cadeia ramificada (BCAA), incluindo a leucina, isoleucina e valina. Adicionando a proteína de soro de leite à sua ingestão diária, oferece muitos benefícios nutricionais.

Benefícios do Whey Protein aos desportistas

- Síntese protéica no músculo esquelético: em função da fácil digestão e rápida absorção do whey protein, a concentração plasmática de muitos aminoácidos eleva-se, com destaque para a leucina, principal aminoácido envolvido no estímulo à síntese de proteínas no sangue e nos tecidos, dentre eles o muscular. Dessa forma, o consumo de whey protein, imediatamente, após o treino favorece a recuperação, bem como a síntese protéica muscular, contribuindo para o incremento da massa magra.
Além disso, o consumo deste suplemento também estimula a secreção de insulina, um hormônio de ação anabólica, que permite a entrada de aminoácidos na célula muscular com mais facilidade, favorecendo a formação de tecido (aumento da massa muscular) e reduzindo o catabolismo protéico. Esta redução no catabolismo também se atribui ao aumento na concentração de BCAA, ocasionada pelo consumo das proteínas do soro. Pesquisa publicada no The Journal of Nutrition demonstrou que a concentração plasmática de aminoácidos essenciais, principalmente os BCAA, duplicou após 20 minutos decorridos o consumo de uma solução contendo whey protein. Um estudo publicado no International Journal of Sport Nutrition and Exercise Metabolism demonstrou que a suplementação com whey protein e leucina favoreceu o aumento de força e o incremento de massa magra. 

21 de setembro de 2017

Estudo do Microscópio

42 comentários: | |
Resultado de imagem para microscopio desenho robert hooke


Definição: A microscopia é a ciência que estuda e realiza aplicações utilizando o microscópio para observar objetos, células entre outros, com dimensões invisíveis a olho nu, ou seja, um instrumento óptico que faz o uso de refração da luz oriunda das series de lentes dotadas, ou não, de fritos multicoloridos, para ampliar estruturas invisíveis a olho nu. É constituído por uma parte óptica para ampliação das imagens, para suportar o sistema óptico e realizar a focagem das células, etc.

Desenvolvimento: Em meados de 1590, Hans Jassen e seu filho Zacharias desenvolveram a ideia de combinar duas lentes simples convergentes: objetiva e ocular, para o aumento dos objetos mais pequenos, com isso, eles criaram o primeiro microscópio. 

No início o instrumento era utilizado para lazer, porém, posteriormente no século XVII houve um grande interesse pelo microscópio. Na geração seguinte, o desenho básico foi modificado devido à instabilidade do sistema lateral de sustentação, um tripé de apoio passou a ser utilizado. 
Por volta de 1650, Robert Hooke, fabricou um microscópio óptico composto (m.o.c) bastante aperfeiçoado para observar um pedaço de cortiça, mais tarde chamado de célula. Entretanto, devido a problemas com as lentes deste m.o.c, o holandês A. 
Leeuwenhoek criou um m.o simples de apenas uma lente. No século XIX, os fabricantes desenvolveram novas técnicas utilizando espelhos curvos para melhorar a focagem desse instrumento. Finalmente, em 1880 os microscópicos ópticos atingiram a resolução de 0,2 micrometros. Atualmente, há técnicas de observação bastante avançadas. 
Os novos modelos possibilitam regulagens de extrema precisão no foco e na ampliação das imagens, como os microscópios eletrônicos, inventados no ínicio dos anos 30 do século XX, pelo alemão Ernest Ruska. Estes microscópios ultrapassam os limites imaginados pelos cientistas do século XVI, e hoje os microscópios são capazes de observar um átomo, pois estes utilizam feixes de elétrons e lentes eletromagnéticas no lugar da luz e das lentes de vidro, fazendo com que tenhamos uma ampliação de até um milhão de vezes.


Partes do microscópio: 




16 de setembro de 2017

O uso de Esteroides Anabolizantes.

37 comentários: | |

Introdução:

O uso dos esteroides anabolizantes é predominantemente associado aos atletas de alta competição. São tomados por atletas de todo o tipo de desportos para melhorar o seu rendimento desportivo, nomeadamente, ao nível da força explosiva.
Sabe-se, porém, que o uso destas substâncias é muito mais alargado, sendo igualmente utilizadas pela população em geral, não envolvida em qualquer tipo de prática desportiva. As razões que estão na origem deste consumo encontram-se relacionadas com a vontade de melhorar o rendimento a nível profissional, ou mesmo a nível social. No entanto, o consumo dos esteroides anabolizantes começa a ser preocupante junto dos utentes dos ginásios e de alguns jovens que pretendem melhorar a sua imagem corporal através da obtenção de um corpo mais musculado. Em alguns países desenvolvidos, o uso destas substâncias constitui já um problema de saúde pública.
Por exemplo, nos EUA, é estimado que 5 a 12% de homens e 0,5 e 2,5% de mulheres de liceus tenham afirmado consumo de androgênios em que mais de 1/3 não participam em desportos organizados. Mais destes 2/3 começaram a usá-los por volta dos 16 anos ou mais novos. O uso crescente de anabolizantes artificiais com fins estéticos nos EUA é classificado como uma “Epidemia silenciosa”. Pesquisas recentes mostram que 7% dos estudantes colegiais americanos já foram ou são usuários de anabolizantes e que 9% dos que frequentam academia consomem regularmente.

A busca de um corpo perfeito

Nos dias atuais, o culto ao corpo perfeito se tornou moda. Uma moda que leva muitas pessoas a tomarem certos tipos de medicamentos e drogas sem auxilio de um profissional. São vendidos em diversos lugares vários tipos de medicamentos, remédios para emagrecer, para acabar com a flacidez entre outros. 
Algumas pessoas, que não aceitam o próprio corpo, querem se tornar mais “fortes” e musculosas, acabam fazendo uso de anabolizantes sem saberem as consequências que o uso desse hormônio poderá acarretar em um futuro bem próximo. Os anabolizantes são hormônios sintéticos fabricados a partir do hormônio sexual masculino, testosterona. Quem os toma terá aumento no tamanho dos músculos, força física e aumento da resistência. Há alguns anos essas drogas eram utilizadas somente para tratamento de algumas disfunções hormonais ou desgaste muscular. Hoje em dia são bastante conhecidas por atletas e fisiculturistas. As pessoas que fazem uso deste tipo de droga estão em busca de um corpo sarado, redução da gordura corporal e melhor desempenho nos esportes. 

12 de setembro de 2017

A Reeducação Alimentar não é dieta.

54 comentários: | |

A Reeducação Alimentar não é dieta. É um estilo de vida.

Na reeducação alimentar deve-se comer principalmente:

· Frutas e vegetais. Optar por frutas e verduras não tem muito agrotóxicos no seu cultivo, ou de preferência, alimentos orgânicos, esses não livres de qualquer tipo de agrotóxicos. 
· Grãos, de preferência grãos integrais, como: Aveia, farelo de trigo, semente de linhaça, germe de trigo, gergelim, dentre outros.
· Laticínios com pouca gordura. 
· Peixe, aves sem pele, carnes magras, feijões, ovos e nozes;
· Gorduras polinsaturadas e monoinsaturadas encontradas em peixes, nozes e óleos vegetais;

Deve-se limitar a quantidade de alimentos que contém:

· Gordura saturada: cortes gordurosos de carne, manteiga, porco, leite integral, queijo feito de leite integral, sorvete, biscoitos, salsicha, maionese não-light, coco, azeite de dendê.
· Gordura trans: alimentos processados como bolo, biscoitos, tortas, margarina e batata-frita.
· Colesterol: fígado, miúdos de frango e peru, porco, salsicha, leite integral, queijo feito de leite integral e sorvete.
· Sódio (sal).
· Alimentos com adição de açúcar.              

OBS: *Limitar é para reduzir o consumo, e não excluí-lo eternamente da sua vida.     

Porque comer a cada 3 horas ?

Olá, que bom que veio visitar o Blog da Holanda!
- Sem xingamentos;
- Leio os comentários de crítica construtiva sempre;
- Deixe o link do seu blog;
- Aceito Parcerias!
- Agradeço a atenção, Juliana.